detran sc 2022 janeiro post 1 1

 

 

Após quase dois anos da chegada da pandemia, muita gente vacinada e protegida da Covid-19 irá viajar para curtir as férias ou o recesso que, enfim, chegaram. Porém, para uma viagem inesquecível em que, no retorno, só haja boas lembranças, é preciso alguns cuidados indispensáveis.

Essa é uma época em que as estatísticas apontam aumento considerável no total de acidentes registrados, sendo um dos meses mais fatais, se comparado com o resto do ano. Os motivos para isso são diversos: muito mais gente transitando em rodovias onde a velocidade é maior que dentro das cidades; é uma época de reuniões e encontros, em que sobra bebida alcoólica e falta conscientização dos riscos de beber e dirigir; as condições do clima que sempre influenciam a dirigibilidade segura como chuva, água na pista ou neblina, entre outros fatores.

Portanto, é preciso alguns cuidados especiais na hora de planejar suas férias, principalmente se você irá transportar crianças ou animais de estimação.

Em abril do ano passado, a idade para os pequenos permanecerem nos equipamentos especiais passou de 7,5 anos para 10 anos. Aí, depois dessa idade, além de deixar o assento, ele também poderá transitar no banco do passageiro nos veículos, ao lado do motorista. Antes disso, até um ano, o bebê conforto é o equipamento correto, assim como a partir de 1 ano até os 4 anos, é na cadeirinha que a criança deve estar dentro do carro.

Se você está de moto, a idade mínima para transportar as crianças passou de 7 para 10 anos. Atente-se também se, essa criança de 10 anos, consegue colocar o pé inteiro na pedaleira da moto e se apoiar. Somente assim, ela terá equilíbrio para se segurar durante o trajeto.

Os animais de estimação também precisam de atenção especial. As cadeiras ou caixas para transporte são, para os animais de até 15 kg, a maneira mais segura de levar seu pet para as férias. Já para os animais maiores, há guias e coleiras que se encaixam diretamente na presilha do cinto de segurança. Importante lembrar que, esses cuidados são necessários para que o animal não fique solto e, em caso de uma freada brusca, seja arremessado para cima de algum ocupante do veículo ou mesmo para fora do carro.

Todos que estão dentro de um veículo devem utilizar o cinto de segurança, ou os equipamentos adequados à idade. Pense: você quer ou não boas lembranças dessas férias? Tome os cuidados necessários para proteger quem você ama.

Por fim, verifique as distâncias que serão percorridas, estude os trajetos, faça paradas a cada 150 km e lembre-se que o seu destino, pode ser o de muitos, portanto, tenha muita paciência. Não adianta querer manter a velocidade percorrida pela via, se ela não comporta tantos veículos ao mesmo tempo. O que vale são as lembranças maravilhosas de férias seguras e cheias de histórias para contar!

Juntos salvamos vidas! Programa Laço Amarelo.

Coordenadoria de Campanhas Educativas do DETRAN/SC.